terça-feira, 20 de dezembro de 2011

281º

Natal.

Falem-me disto.



Quanto a mim, confesso que nunca teve o significado que culturalmente devia ter.

1 comentário:

Burbuleta disse...

olá linda! Bem o Natal... é algo dificil de descrever conforme as crenças e as culturas de cada um... mas eu Gosto do Natal, não é das compras e das prendas, não é do bacalhau e muito menos pelos doces, porque se queres que te diga eu quase que não como doces nenhuns muito menos nesse dia, as prendas cada ano que passa, ficam com menos significado e quando se vi perdendo pessoas da nossa vida essa importancia ainda se torna menor.... eu gosto do Natal pelo convivio, por estarmos todos reunidos a mesa, pelas conversas, pelas recordações que por vezes trazemos a mesa... e não quero dizer que so o façamos nesta altura do ano, porque o Natal é quando cada um de nós quer, e pra mim o espirito de Natal é esse, então digo-te que vivo o Natal todos os dias do Ano =D.
Mas gosto do Natal pelas cores, pelo o quente que traz a vida, pelos cheiros dos doces que ficam no ar, pelos sorrisos e a azafama em casa que se cria pra a derradeira hora de partilharmos um pouquinho do nosso carinho com quem amamos =D. Mas espero um dia passar um natal diferente rodeada de quem necessita tenho esse desejo e espero nao morrer sem antes o fazer porque esse também é o espirito do Natal, amar o proximo como a nós mesmos... e um dia irei sair do quente da minha casa e dar um pouco de quentura a quem passa esta altura do ano sozinho e ao frio. UM dia =D beijão grande Filipa