terça-feira, 31 de agosto de 2010

101º

ESTOU OFICIALMENTE DE FÉRIAS!

Quer dizer não é bem férias. O estágio acabou mas ainda tenho o meu projecto de final de curso para terminar e entregar até a próxima semana, o que me vai dar cabo dos nervos.
Mas de qualquer das formas acabou o despertador a tocar a horas indecentes (por falar nisso tenho que o desligar não vá ele lembrar-se de tocar amanhã), acabaram-se os horários, acabou o dia inteiro passado no escritório e acabou as calcinhas de vinco, as camisinhas pipis e os saltos altos. Vou puder finalmente vestir umas calças de ganga, um top e andar o dia inteiro de chinelos (vá, pelos menos temporariamente).

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

100º

"O tempo corre, só quando doi é devagar"

E a correr se escreveram 100 posts.
Foram 100 estados de espirito diferentes.
Foram 100 posts recheados de tantos sentimentos.
Foram quase todos acompanhados de uma pequena lágrima.
E foram 100 posts em que tive o apoio incondicional de pessoas que nem conheço mas foram elas que estiveram mais presentes nesta minha desilusão.

Kim, Candy, Rita&Filipa, Catarina, "Anónimo", Dani do meu coração :
A vocês o meu mais sincero OBRIGADA!

E após uma centena de posts, em que mais de 95% deles foram por ti ou para ti, só tenho a dizer uma coisa:

E acredita que sou quem mais sofre por causa disso.


Está na altura de mudar de página e por isso, e tal como prometido, vou mudar o nome do blog, agora será o diário da minha vida.

Apesar de ter sempre o endereço do blog para me lembrar deste percurso de 100 paragens.
Obrigada também a vocês, por mesmo sem comentarem terem sido visitas habituais *


@Update (21h47)
Aproveitei a sugestão da Candy e além do nome dei uma nova cara ao meu blog e enchi-o de música. Parece menos monótono e mais vivo, é exactamente isso que quero da minha vida a partir de agora.

99º

A falta de respeito sempre foi uma coisa que me fez imensa confusão.

Hoje estou com um humor de cão.

sábado, 28 de agosto de 2010

98º

Faz hoje 2 meses que saíste da minha vida.
Não voltaste nem sequer para ver como eu estava, para perguntar se eu precisava de alguma coisa ou simplesmente para veres como me estava a aguentar depois de tudo o que me fizeste.

Se já te esqueci? Não sei...
Continuo a pensar em ti. Todos os dias.
Continuo a lembrar-me dos nossos momentos sempre que passo por um lugar onde já estive contigo;
E continuo a associar-te a cada pormenor do meu dia-a-dia.

Não posso dizer que te tenhas transformado em indiferença na minha vida...
...Mas já consigo lembrar-me de ti sem que isso provoque uma lágrima.

Ainda hoje estou para perceber o que te fiz para merecer de ti esta atitude!

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

97º

Preciso de desanuviar,
amanhã alguém me acompanha numa voltinha pelo bairro alto?

96º

Hoje sonhei contigo.

A noite toda.

E foi tão, mas tão real.
Se um dia nos voltarmos a encontrar é provavel que seja exactamente assim.

terça-feira, 24 de agosto de 2010

95º

“Não sinto nada mais ou menos, ou eu gosto ou não gosto. Não sei sentir em doses homeopáticas. Preciso e gosto de intensidade, mesmo que ela seja ilusória e se não for assim, prefiro que não seja. Não me apetece viver histórias medíocres, paixões não correspondidas e pessoas água com açúcar. Não sei brincar e ser café com leite. Só quero na minha vida gente que transpire adrenalina de alguma forma, que tenha coragem suficiente para me dizer o que sente antes, durante e depois ou que invente boas estórias caso não possa vivê-las. Porque eu acho sempre muitas coisas - porque tenho uma mente fértil e delirante - e porque posso estar errado - e ter que me desculpar - e detesto pedir desculpas embora o faça sem dificuldade se me provarem que eu estraguei tudo pensando o que não devia. Quero grandes histórias e estórias; quero o amor e o ódio; quero o mais, o demais ou o nada. Não me importa o que é de verdade ou o que é mentira, mas tem que me convencer, extrair o máximo do meu prazer e me fazer crer que é para sempre quando eu digo convicto que “nada é para sempre”.”

94º

Acho que hoje é um bom dia para ir a casa mudar de roupa e ir conhecer o bairro alto à luz do dia. Visto que só conheco aquilo de noite. E se estiver para aí virada ainda dou um saltinho pelo Adamastor.

Afinal eu sempre gostei tanto da baixa....

Fazem-me companhia?

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

93º

Eu sei que é estranho mas existem pessoas que não conheço e que mesmo assim gosto delas.

92º

Ainda hoje não consigo ouvir Mafalda Veiga.

E eu que gostava tanto da música dela, principalmente "A gota" e ambas sabemos porquê.

"Não importa se as vezes tudo é breve como um sopro, não importa se for uma gota só..."

91º

Acho que ando a chegar ao meu limite de cansaço.

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

89º

Nunca tinha recebido um selo, mas soube tão bem *

Respondendo ao desafio:

1. Referir quem ofereceu o selo: A Candy, és uma querida sim? Obrigada *
2. Qual é o teu chá preferido? Não sou fã de chá mas a escolha recai sobre o de menta.
3. Quantas colheres de açúcar costumas pôr? Uma ou duas. Gosto de coisas docinhas!
4. Passar o selo a 6 pessoas: Passo aqueles que me visitam e que também me aquecem o coração:

88º

20 de Agosto de 2010.
Hoje fariamos 9 meses.
Estes dias provocam sempre um aperto...

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

87º

Sabes.
Eu gostava de ter notícias tuas. Acho que não as queria saber de ti. Penso que ainda não estou preparada para te ver. Mas gostava de saber de ti. Como estás. Como tens passado os teus dias. Se a tua decisão te fez feliz como acreditavas que iria fazer. No fundo gostava de saber como foram as tuas últimas 8 semanas. Gostava de saber quantas vezes pensaste em mim, em nós. Gostava de saber se algum dia te arrependeste. Se algum dia achaste que tinhas agido mal. Se em algum momento tiveste saudades minhas. E nessa altura gostava de comparar os teus últimos tempos com as minhas últimas 8 semanas.
Tenho a certeza que as passamos de forma diferente.
Aliás, muito diferente.

86º

Acho que vou começar a desistir das pessoas que também desistiram de mim.

Não prometo que consiga, mas posso sempre tentar!

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

85º

Hoje li este blog do inicio ao fim. Do primeiro ao ultimo post.


E curiosamente não doeu tanto como eu pensava que ia doer.

84º

A propósito de um comentário neste post:
Quando é que sabemos que já esquecemos a tal pessoa e que já não gostamos dela


?

83º

Sabes,

quando acabámos, o meu maior receio era encontrar-te (com ou sem ela!):
- no metro;
- no autocarro;
- no meio da rua;
- nos sítios onde costumávamos ir juntas;
- ou mesmo no bairro alto quando fosse beber um copo.

Curiosamente isso (ainda) não aconteceu.
E ainda bem!

82º

Ainda hoje me falam de ti.



E ainda hoje eu sinto um aperto sempre que oiço o teu nome.

terça-feira, 17 de agosto de 2010

81º

O meu pior defeito é (ainda) gostar de ti.

Ou será que já nem gosto assim tanto?
Mas se for isso, porque razão continuo a pensar tanto em ti?

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

80º

Cada vez mais me convenço que não me tenho cruzado com as pessoas certas ao longo deste caminho.

Sinto, cada vez mais, que o meu mundo está cheio de pessoas efémeras e que mais tarde ou mais cedo acabam por me revelar que não valiam tanto a pena como eu sempre acreditei.

O que vale é que há excepções.
Raras, é um facto. Mas existem.

domingo, 15 de agosto de 2010

79º

Ontem cantei bem alto a música "I'm a Single Lady"

E não é que até o fiz sem qualquer angustia e sofrimento cá dentro?

Oh yeahhh.

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

76º

Por mais que tu sejas perfeita para uma pessoa,
lembra-te que isso não vai durar para sempre!
Mais tarde ou mais cedo vais deixar de o ser.

75º

Ora bem, dizem por aí que hoje é sexta feira, 13.
E também dizem por aí que hoje é dia de azar.

Estou tão curiosa para ver o que este dia me vai trazer de novo...
É que de azar já estão as minhas últimas semanas cheias.
Alias, cheíssimas.

Mas estou sempre disposta a dar o benefício da dúvida.

terça-feira, 10 de agosto de 2010

73º

"Costumava dizer que " vai tudo correr bem, que se não correr, é porque não acabou". Costumava. Era suposto ser assim, afinal era o que ouvia e lia por aí, eu só estava a transmitir conhecimentos alheios. Mas sabes? não vai correr tudo bem. De vez em quando não corre tudo bem e acabou, pronto, sem drama, não vale a pena insistir numa estrada que se sabe não dar a lado nenhum só porque algures alguém te disse que sim, que é por aí e que se ainda não sentes felicidade é porque ainda estás no inferno. Let it go. Vai correr tudo bem e se não correr, é porque ainda não acabou deve ser a pior tentativa de alento que se pode dar, quase quase ao mesmo nível de olhos vendados com um taco nas mãos a tentar acertar no saco cheio de gomas pendurado no tecto. De vez em quando não se acerta, de quando em vez acertamos em nós próprios e dói. Desiste. Let it go porque se não correr tudo bem, muda de rumo e aí sim, vai correr."


72º

Já tiveram aquela sensação do vosso mundo vos cair todo em cima e o vosso único desejo ser desaparecer ?

Hoje é essa a minha sensação.

E ou muito me engano ou não vai ser só hoje!

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

71º

Um dia este blog vai deixar de se chamar
"O diário de uma desilusão"
para se chamar
"O diário de uma vida".

Talvez não hoje nem amanhã, mas um dia... Será bom sinal !

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

70º

Hoje vou chegar a casa e depois de um banho de imersão vou pintar as unhas - de roxo - e depois vou vestir uns calções - curtos - , um top - decotado - e as minhas sandálias - de salto alto. E depois de maquilhada e com espuma no cabelo para dar o efeito de caracóis vou sair. Depois vou ver como está o ambiente no bairro alto e sigo para aquela discoteca - onde já estive contigo - para dançar até de manhã.
E espero que a noite acabe quando já estiver de dia -E se possível não pensar muito em ti .

Ando a precisar de uma noite assim, hoje é o dia !

terça-feira, 3 de agosto de 2010

66º

Há uma voz de sempre
Que chama por mim
Para que eu lembre
Que a noite tem fim

Ainda procuro,
Por quem ñ esqueci
Em nome de um sonho,
Em nome de ti

Procuro à noite, um sinal de ti
Espero à noite, por quem não esqueci
Eu peço à noite, um sinal de ti
Por quem eu não esqueci

Por sinais perdidos
Espero em vão
Por tempos antigos, por uma canção
Ainda procuro, por quem não esqueci
Por quem já não volta, por quem eu perdi

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

65º

Ontem:
Pintei as unhas - das mãos e dos pés - e comprei uns sapatos novos, azuis, de salto alto - daqueles girissimos.
E tomei um banho - com sais.

Hoje:
Vesti uma saia, um top e calçei os sapatos novos.

Estamos em Agosto!
Está na altura de mudar, de uma volta de 180º e de dar um rumo à minha vida.
Pensar em ti todos os dias já causou estragos suficientes.
Estragos até demais.