domingo, 20 de novembro de 2011

272º

Aproxima-se uma semana marcante para ela. Esta próxima semana marca uma viragem. Marca uma fase bastante importante e decisiva da vida dela. Será uma semana em que marca a etapa final do inicio do futuro dela.

Sinto-me orgulhosa. Claro que sim. Mais que orgulhosa. Feliz. Contente. Com uma enorme e grandiosa admiração por ela.
Sinto tudo de bom. Mas confesso que a nostalgia me está a começar a atingir.
Tudo isto se vai passar na vida dela e vou ser apenas uma figurante disto tudo. Isto porque como apenas amiga dela  não vou puder assistir a estes momentos ao lado dela como eu desejaria.
Não faz sentido ir a correr dar-lhe um beijinho na terça feira à porta daquela sala e perguntar como correu. E na quinta-feira não vou poder estar na plateia e inundar-me de orgulho pelo momento em que ela vai ser a personagem principal. Isto tudo porque aos olhos do mundo sou apenas uma amiga. E uma "apenas amiga" não faz sentido que esteja presente nestes grandes momentos. A família? um suposto namorado? Talvez. Uma amiga não. E custa-me imenso tudo isto mas a verdade é que tenho que me habituar a não ter o papel que supostamente teria direito porque uma "apenas amiga" não tem direito a tudo isto.
A questão é que não sou apenas uma amiga. 
Mas, isso, o mundo não sabe...

3 comentários:

Burbuleta disse...

quando as amigas são especiais faz todo o sentido... e a familia so deveria compreender e aceitar. claro que o beijo poderia ser dado num local diferente ao desejado... mas pra alem de amor de namoradas voces tem de ser amigas e axo que isso nao é impedimento para a acompanhares e estares lá pra te encheres de orgulho so porque és uma mera amiga.... discodo.. eu adoraria ter a minha namorada a partilhar da minha felicidade... mesmo que o Mundo a visse como uma mera amiga =D beijão

Filip@ disse...

Candy,

Existem situações em que o suposto é ser um momento partilhado apenas com familia e supostos namorados em que as amigas, por norma, não entram... É isso.
Se dependesse de nós certamente era mais fácil.

Um beijinho*

cegonhagarajau disse...

Sei como isso dói porque já passámos por situações semelhantes, mas são esses os momentos em que quem mais importa faz falta ao nosso lado.
Portanto, esqueçam os outros, se de fato queres estar presente, se de fato queres partilhar esse momento tão importante não deixes de o fazer só por causa do que os outros possam pensar.
O mundo não precisa de saber, mas vocês precisam de sentir e transmitir força uma à outra.
Abraço ilhéu